02/07/2018 - 20:29
Acadêmicos da Faculdade La Salle fazem visita técnica ao Cecma

Como diria o poeta: Navegar é preciso, senão a rotina te cansa. E foi justamente isso que acadêmicos dos cursos de Logística e Gestão Portuária da Faculdade La Salle, fizeram no último sábado, 30/06, durante visita técnica ao Centro de Embarcações do Comando Militar da Amazônia (Cecma), localizado na zona Oeste de Manaus.

Ao chegarem no local, os alunos tiveram uma explicação geral sobre o que é e como funciona o Cecma. Além disso, o comandante do órgão militar, Coronel Almeida, contou um pouco sobre as missões já realizadas sempre com muitos desafios a serem superados, reforçando a ideia da complexidade da logística naval, principalmente na Amazônia.

    

Acostumados com as teorias aprendidas dentro da sala de aula, os alunos tiveram a oportunidade de vivenciar na prática um pouco do que os militares do Cecma passam quando estão em missão pelos rios da Amazônia.

Sob um sol escaldante, mas com um dia lindo e favorável, eles embarcaram para um passeio agradável e cheio de conhecimentos pelas águas do Rio Negro. Durante o passeio, os militares que acompanharam a visita dos alunos, foram contando experiências vivenciadas por eles, além de explicar como é a rotina dos tripulantes da embarcação durante as missões.

    

Nesse instante, os acadêmicos já estavam se sentindo realizados com o passeio pelo Rio Negro em uma embarcação relativamente estável e em velocidade constante. Porém, quando o Coronel Almeida fez o convite para uma volta numa lancha super veloz, a adrenalina falou mais alto e todos toparam na hora.

Divididos em grupos de 7 pessoas, um a um foi entrando na embarcação. Quando todos já estavam apostos e devidamente equipados com o colete salva-vidas, o piloto da lancha deu o aviso: - Seguinte, quando eu tocar essa sirene, segurem-se firmes. Até por instinto, ninguém desobedeceu a ordem do piloto, mas os alunos não faziam ideia que aquele passeio de lancha seria tão radical assim.

 

   

Em uma simulação real de manobras utilizadas durante patrulha pelas regiões de fronteira, o piloto acelerou a lancha e começou a dar voltas curtas, como se estivesse girando em 360º. Nesse instante, os alunos compreenderam que realmente era pra eles se segurarem firmes.

Depoimentos

Coronel Almeida, comandante do Cecma sobre a importância da visita técnica dos acadêmicos da Faculdade ao órgão militar.

“Tem duas vertentes: primeiro é a esperança. Esperança que nós temos profissionais que entendam a realidade logística e saibam trabalhar melhor possível dentro dela e o segundo enfoque é gratidão. Meu ex-chefe que agora é professora da Faculdade que acreditou que seria positivo essa interação e por conhece-lo eu não pensei duas vezes. Só cumpri”, frisou.

Professor Marcos Bandeira Amorim, coordenador do curso de Logística da Faculdade La Salle sobre como essa visita agrega ao conhecimento dos acadêmicos.

“Acredito que a visita ao Cecma foi acima da expectativa dos nossos acadêmicos que estão aqui e que vieram para fazer um reconhecimento de área, vieram para fazer uma observação das instruções dadas de forma militar por militares e acabaram sendo presenteados não só com o conhecimento de como funciona aqui, mas o passeio que foi realmente um passeio na lancha especializada, bastante potente e eles viram o poderio de uma embarcação do exército para poder a entender as fronteiras. Então esse é o tipo de contato que nenhuma teoria consegue transmitir para os acadêmicos. Experiências como essa a gente vai procurar sempre repetir ao longo da nossa jornada acadêmica no curso de logística e gestão portuária”, pontuou.

Professora Jussará Lummertz, Diretora Academica da Faculdade La Salle sobre como foi a experiência da visita técnica ao Cecma

“Além de muito agradável, eu tenho certeza que os nossos alunos vão aproveitar muito esse aprendizado e eu gostaria de dizer aos senhores que nós estamos à disposição lá na Faculdade La Salle também”, ressaltou.

Giovani Lima, aluno do curso de Logística sobre como a vivencia de experiências pode ajudar na jornada acadêmica.

“Eu gostaria de agradecer ao comandante e aos professores que vieram acompanhar a gente e a todo mundo que colaborou pra que essa visita fosse possível, pois foi muito bom poder vivenciar essa experiência e ver como o exército do amazonas pratica e opera dentro dessa malha logística da nossa região”, finalizou.

   

Para conferia a galeria completa, é só clicar aqui.



Confira a galeria de fotos e vídeos
Buscar
Seção
Área
Período
A partir de
até
Voltar